Category

Aplicações

Por que o bico é importante no seu processo?

Por | Aplicações | Sem comentários
bicos-de-pulverização

Guia definitivo para escolher bicos de pulverização

Como especialistas no assunto, podemos afirmar que escolher bicos de pulverização adequados para a operação é muito mais do que um toque final, mas um grande diferencial competitivo para a indústria, pois eles estão diretamente associados à economia de tempo, recursos e qualidade do produto final. Um projeto de pulverização deve começar pela escolha do bico pulverizador.

Mas afinal, o que é um bico de pulverização?

Um bico de pulverização é um dispositivo de precisão com um orifício calibrado que faz a quebra do fluxo de líquido em gotas, formando um spray. Os bicos são usados ​​para três propósitos: distribuir um líquido sobre uma área fazendo a sua cobertura, aumentar a área de superfície do líquido e criar força de impacto em uma superfície sólida.

Para que serve?

Vamos imaginar operações industriais com propostas e necessidades diferentes? A indústria de panificação, por exemplo, consegue poupar matéria-prima se fizer aplicações precisas de coberturas em seus produtos. Uma fabricante de leite em pó ganha produtividade e qualidade ao obter grãos de tamanho uniforme na densidade desejada.

Da mesma forma, uma siderúrgica evita prejuízos enormes ao remover com eficiência as carepas no processo de descarepação, garantindo a qualidade do aço. O que todas essas atividades tão diversas têm em comum? O sucesso delas depende da assertividade na escolha dos bicos de pulverização.

Pensando nisso, preparamos esse post com todas as informações que você precisa ter e características da operação a serem levadas em conta na hora de escolher bicos de pulverização. Vamos a elas:

Material do bico

Você encontrará bicos de pulverização de diversos materiais no mercado. Qual deles atenderá melhor às necessidades da sua operação?

É preciso levar em consideração alguns fatores: tipo de solução a ser pulverizada, a porcentagem de concentração de substâncias corrosivas e a temperatura.

Materiais com superfícies mais duras têm vida útil maior. Confira na tabela comparativa os materiais vs proporção de resistência à abrasão e lembre-se de que escolher um material impróprio trará impactos negativos em sua operação.

Bicos desgastados apresentam aumento da vazão e prejudicam o padrão de pulverização.

Tamanho da gota e cobertura

A relação entre tamanho da gota e área de cobertura é outro ponto fundamental a ser considerado na hora de escolher seu bico spray, pois você poderá otimizar as aplicações e economizar recursos. Dependendo do bico de pulverização utilizado, você consegue uma cobertura maior com o mesmo volume de líquido.

O gráfico abaixo mostra exatamente isso: como o volume de uma gota de 500 µm pode ser reduzida e proporcionar a cobertura de uma área maior. Também é importante saber que as propriedades do líquido, a vazão do bico, a pressão e o ângulo de pulverização são fatores que afetam o tamanho da gota.

Nessa outra imagem, você observa o tipo de bico e o tamanho da gota que ele produz.

Bicos Atomizadores e Hidráulicos

Indo um pouco mais a fundo no assunto bicos de pulverização, você encontrará dois grandes grupos, os atomizadores e os hidráulicos. A função de ambos é quebrar solução pulverizada em partículas menores. Minúsculas em alguns casos. O que os difere é o sistema usado para atingir esses objetivos. Os bicos hidráulicos precisam da pressão do fluido para funcionar. Já os atomizadores utilizam ar comprimido.

A escolha por bicos atomizadores ou hidráulicos dependerá sempre da atividade e dos objetivos a serem atingidos em determinada etapa da produção. É sempre bom conversar com o especialista sobre condições e objetivos antes da tomada de decisão.

Os menores tamanhos de gotas são produzidos por bicos atomizadores de ar, que são os mais recomendados para aplicações como revestimentos, resfriamentos, supressão de poeira, lubrificação e umidificação.

Os bicos hidráulicos costumam ser indicados para limpeza, lavagem e quando não pode haver névoa no processo.

Coeficiente de variação

Mais um ponto importantíssimo para a assertividade na escolha de chuveiros, headers e manifolds de pulverização: o coeficiente de variação, que é um indicador relacionado à uniformidade de distribuição.
O coeficiente de variação depende de fatores como padrão de distribuição do bico, altura de pulverização, do ângulo, do jato e do espaçamento dos bicos.

Quanto menor o coeficiente de variação, mais uniforme será a distribuição e mais adequadas serão a cobertura e as sobreposições dos jatos (overlap). O CV é uma preocupação exclusiva da Spraying Systems nos projetos de chuveiros, headers e manifolds.

Nesse gráfico abaixo, dá para ter uma noção da importância do overlap para a cobertura das superfícies.

Manutenção e Desgaste dos bicos

Além de acertar na escolha dos bicos é preciso cuidar bem deles. Bicos desgastados podem trazer grandes problemas à sua operação, entre eles, problemas de qualidade no seu produto, elevado consumo de água e outros insumos.

É preciso ter atenção aos fatores que causam o desgaste dos bicos: desgaste natural do orifício pelo tempo de uso, entupimento, abrasão, corrosão e limpeza indevida.

Quando trocar os bicos de pulverização?

Por mais duráveis e resistentes que sejam os bicos que você escolher, é preciso saber que uma hora precisará trocá-los. E isso idealmente deverá acontecer quando o custo de mantê-los for maior que o custo de trocá-los. Por isso, é importante que você conheça o ponto ótimo de troca dos bicos de pulverização que escolher. Mas o que isso significa?

Que você precisa saber por quanto tempo o equipamento funcionará perfeitamente até que por um dado nível de desgaste seja melhor substituí-lo devido às intervenções constantes, alto consumo de água ou outros materiais de aplicação e prejuízos na qualidade do produto final.
Testes de vazão são recomendados a cada seis meses. Além disso, você deve monitorar a pressão do sistema periodicamente.

Na Spraying Systems, conseguimos realizar em nosso laboratório de pulverização o Programa de Testes para que nossos clientes conheçam o ponto ótimo de troca de seus bicos. Essa é uma informação bastante valiosa para você ter como aliada no seu programa de manutenção preventiva ou preditiva.

Acessórios

Ao fazer as escolhas é bom ter em mente que alguns acessórios podem deixar os bicos de pulverização ainda mais potentes, facilitando a instalação e permitindo o monitoramento e controle das atividades.

Os principais acessórios são os filtros (a malha recomendada pela Spraying Systems vai de 1/2 a 1/3 do orifício), essenciais para evitar o entupimento dos bicos e as paradas repentinas; os manômetros, que controlam e monitoram o processo hidráulico, e as válvulas de regulagem, que regulam a vazão e pressão do líquido que vai para os bicos, controlando com precisão as linhas pressurizadas. Resumidamente, elas minimizam a perda de líquido causada por pressão excessiva.

Acessórios como filtros, manômetros e válvulas de regulagem melhoram a performance dos bicos.

Seja qual for a atividade da sua indústria, se houver necessidade de sistemas de pulverização, a Spraying Systems tem soluções que podem melhorar seus processos. Estamos à disposição para conversar sobre as especificidades da sua atividade e ajudar a escolher bicos de pulverização mais eficientes para a sua operação.

Soluções de desinfecção para tempos de Covid-19

Por | Aplicações, Desinfecção de Ambientes, Indústria em geral, Mercados | 2 Comentários

Em meio à pandemia mundial de Covid-19, as autoridades de saúde recomendam como medidas para conter a rápida e devastadora transmissão do vírus o isolamento social e a atenção máxima às medidas de higiene de pessoas e ambientes. Atento à necessidade urgente de alternativas eficientes de sanitização, o time da Spraying Systems respondeu rapidamente à demanda com duas soluções de desinfecção baseadas em alta tecnologia de pulverização.

Os arcos de desinfecção de veículos e o SprayFog, nosso equipamento para descontaminação de ambiente, devem ser usados com soluções desinfetantes para proteger indivíduos da contaminação com Covid-19 e outros vírus.

São soluções práticas, viáveis e eficientes graças ao nosso know how em pulverização precisa e investimentos constantes em tecnologia que nos permitem desenvolver produtos com bicos capazes de produzir microgotas e garantir uma pulverização padronizada de solução desinfetante, promovendo cobertura completa com economia de energia, tempo e produto e mínimo molhamento.

Conheça melhor as soluções de desinfecção da Spraying Systems Brasil:


Descontaminação de ambientes com o SprayFog

Precisa deixar o ambiente livre de SARS-CoV-2 e outros vírus? Uma das soluções de desinfecção proposta pela Spraying Systems é o SprayFog, um sistema móvel e com ajuste de condições de operação. Ele foi desenvolvido para pulverização de sanitizantes em ambientes fechados através de microgotícolas (< 10.7μm) que garantem uma cobertura completa das superfícies sem molhar o ambiente. 

O SprayFog é um sistema móvel e com ajuste de condições de operação. Ele foi desenvolvido para pulverização de sanitizantes em ambientes fechados.

SprayFog é ajustável a condições de uso em cada ambiente, com haste telescópica para regulagem da altura de até 2,5 m. Tem tanques pressurizados de 5 a 10 galões para solução química diluída.

É leve e de fácil limpeza, tendo unidades móveis e versão para instalação física em cada ambiente. Como item opcional, há um sensor de umidade para detecção do ponto de saturação.

É importante ter em conta que o SARS-CoV-2 dissemina-se pelo ar por meio de microgotas e estudos científicos mostraram que essas microgotas ao chocarem-se com outras microgotas, por exemplo a solução de água e sanitizante pulverizada, ficam mais pesadas e caem ao solo mais rapidamente, diminuindo-se ainda a probabilidade de propagação da doença pelo ar.

Em teste realizado pela Spraying Systems, usando tiras de papel hidrossensível (que permitem comprovar o nível de cobertura com água por indicador azul de bromofenol) colocadas em diversos pontos de uma sala de 149 m², o ambiente atingiu 90% de umidade relativa do ar e temperatura final de 19.5ºC em 5 minutos.

A análise das tiras mostrou que os particulados formados pelo SprayFog atingiram de forma efetiva as amostras nos pontos identificados. Confira o vídeo do teste aqui!

Ainda nas soluções de desinfecção de ambientes,
há uma versão MINIFOG, mais leve e compacta, ideal para áreas de difícil acesso e resistente a químicos. É flexível, permitindo ajuste da altura de pulverização entre 1m e 2m.

O carrinho com rodízio é equipado com tanque pressurizado de 11 litros. Para utilizá-lo, basta conectá-lo à fonte de ar.

Não há necessidade de montagem.


*O MINIFOG é uma versão mais leve e compacta do SprayFog,
ideal para áreas com difícil acesso e resistente a químicos.

Arcos de desinfecção de veículos

Tão importante quanto desinfectar ambientes em situações de pandemia é a desinfecção de veículos. Automóveis, caminhões e trens podem carregar vírus e facilitar a transmissão ao entrar em novos ambientes. Os arcos de desinfecção visam solucionar esse problema, sanitizando os veículos antes da entrada em locais como estacionamentos e indústrias.

A solução é composta por três arcos, sendo os dois das extremidades desenvolvidos para a aplicação de jato de água para remoção de poeira e outras sujidades e o do meio para aplicação precisa da solução desinfetante, garantindo cobertura de todas as superfícies de veículos de todos os tamanhos, inclusive a inferior.

Os bicos instalados nos arcos de desinfecção são cuidadosamente dimensionados para garantir a máxima transferência de solução ao veículo e a mínima deriva de gotas, garantindo com que a solução desinfetante não vá para outras áreas da instalação.

Outro benefício dos arcos de desinfecção é que a solução de desinfecção e esterilização conta com unidade de bombeamento com sistema de dosagem de químico desinfetante concentrado em linha, reduzindo os custos com transporte de grandes volumes de solução e simplificando a conexão dos galões de concentrado direto na alimentação do sistema de dosagem.

Entre as facilidades proporcionadas pela solução, a pulverização é acionada por um painel de controle e pode se dar na entrada ou saída, dependendo do sentido de entrada do veículo nos arcos. É possível controlar o tempo necessário de pulverização para a cobertura total do veículo.

Os arcos de desinfecção visam descontaminar carros, caminhões e trens, evitando que carreguem vírus e facilitem a contaminação ao entrar em novos ambientes.

Sobre as soluções desinfetantes

As soluções de pulverização são desenvolvidas pela Spraying Systems, mas os químicos desinfetantes devem ser adquiridos diretamente com os fabricantes.

Se uma das soluções apresentadas correspondem às necessidades do seu estabelecimento, é importante saber que além da eficiência garantida pela líder mundial em inovação na tecnologia de pulverização, com bicos projetados com o auxílio de CFD e Phase Doppler e testados em Laboratório de Pulverização para avaliação de performance de aspersão, você conta com um corpo técnico capacitado para atendimento nacional.

Quer saber mais sobre as soluções
de desinfecção da Spraying Systems para proteger pessoas
do Covid-19 e outros vírus? Fale com nossos especialistas.

Spray Ball: entenda por que você deveria trocá-lo por um lavador automático

Por | Açúcar e Etanol, Alimentos, Aplicações, Bebidas, Farmacêutico, Higiene & Beleza, Indústria em geral, Lavagem de Tanques, Mercados | 2 Comentários

Spray Ball ou lavador automático? Limpeza manual funciona? Melhorar a higienização dos tanques da operação é uma das metas da sua indústria e você está na dúvida sobre qual é a solução mais eficiente?

Nesse post que publicamos recentemente, com dicas práticas e para a limpeza efetiva de tanques na indústria, falamos sobre a importância da escolha do lavador e aqui vamos esclarecer um pouco mais, comparando o Spray Ball e o lavador automático.

Um dos caminhos ainda utilizados por muitas indústrias é a limpeza manual, em que o operador entra nos tanques com uma lavadora de alta pressão e passa horas limpando. Há muitos inconvenientes nesse processo: a limpeza falha, o longo tempo de parada de equipamento e, consequentemente da produção, além do risco ao qual o operador é submetido em espaço confinado.

A importância do impacto na limpeza dos tanques

Uma das primeiras coisas a se ter em mente quando o assunto é higienização de tanques na indústria é o tipo de resíduo processado no recipiente e o impacto necessário para removê-lo. É fundamental saber que alta pressão não garante impacto e isso é um dos aspectos que torna a limpeza manual pouco eficiente. Para você ter uma ideia, mexer na vazão tem mais reflexos sobre o impacto do que a pressão. Dobrar a taxa de vazão, por exemplo, aumenta o impacto em 100%, enquanto ao dobrar a pressão o impacto aumenta apenas 40%.

O impacto da água para a limpeza é tão importante que muitas operações atualmente recorrem ao aquecimento da água, o que também é desnecessário se o método de higienização garante impacto suficiente. Priorizar uma solução de impacto em detrimento do aquecimento de água pode representar uma economia anual de energia bastante significativa para sua operação.

Os Spray Balls são lavadores estacionários de baixo impacto que promovem mais um enxágue do que uma lavagem do tanque.

Spray Ball ou lavador automático: o que levar em consideração?

Outra solução bastante utilizada para a limpeza dos tanques industriais é o Spray Ball, que muitas vezes já vem instalado nos tanques. Esse é um tipo de lavador estacionário e com baixíssimo impacto que promove mais um enxágue do tanque do que uma limpeza completa.

Tendo em perspectiva a questão do impacto que mencionamos nos parágrafos acima, não é todo resíduo que o Spray Ball será capaz de remover. Além de não ser a solução ideal para toda operação, esse tipo de lavador consome muita água e demanda longas paradas da produção para que a higienização seja feita.

Uma alternativa ao Spray Ball é o lavador automático. Nele, um motor externo elétrico ou pneumático aciona o conjunto de bicos rotativos. No nosso portfólio, temos um modelo que atende a indústrias de diferentes perfis como químicas, alimentícias e farmacêuticas e tem uma boa relação custo-benefício se comparado aos Spray Balls: o TankJet® AA190.

O TankJet® AA190 é um lavador automático versátil de alto impacto usado em indústrias de diferentes perfis para limpeza eficiente de tanques de médio e grande porte.

Conheça o TankJet® AA190

Geralmente usado como uma solução integrada, junto com uma unidade de bombeamento que também faz parte do portfólio Spraying Systems, o TankJet® AA190 é um lavador de alto impacto ideal para tanques médios e grandes capaz de fazer cobertura completa das superfícies do tanque.

Também é versátil, pode ser instalado permanentemente ou ser levado de tanque a tanque, além de ter fácil manutenção. O lavador foi desenvolvido de modo a estar totalmente alinhado às premissas de sustentabilidade, operando com consumo reduzido de água e energia. Ao poupar tempo de realização de limpeza, ele também contribui para a produtividade da indústria.

Comparando o Spray Ball e o Lavador Automático

Vamos ver o caso de uma empresa brasileira de soluções farmacêuticas que precisava limpar dois tanques de processamento, cada um deles com 1,9 m de diâmetro e 2,79 m de altura. A limpeza era feita usando Spray Balls e a empresa buscava uma solução que reduzisse o tempo de parada sem perder a qualidade da limpeza.

Ao substituir os Spray Balls por lavadores TankJet® AA190, o volume de água necessário para a higienização caiu de 2m³ para 0,45m³ por ciclo de limpeza. O tempo de parada para limpeza também foi reduzido de uma hora para 12 minutos.

A qualidade da limpeza foi comprovada com testes realizados em laboratório que mostraram que o novo processo reduziu a quantidade de ppm para 25% do limite anterior. Com as melhorias obtidas com a substituição do lavador, a indústria conseguiu economizar R$ 128 mil por mês. Os investimentos nos novos equipamentos foram recuperados em apenas duas semanas.

Veja essa tabela comparativa do Spray Ball e do TankJet® AA190 em relação a aspectos como pressão, vazão e diâmetro de tanque.

Spray Ball ou lavador automático? Ainda tem dúvidas de qual
é a melhor solução para limpeza de tanques na sua operação?
Fale com os nossos especialistas.

Cada gota conta! Vamos falar sobre inúmeras oportunidades de poupar água em sua operação?

Por | Aplicações, Indústria em geral, Mercados, Notícias, Sustentabilidade | Sem comentários

22 de março é a data escolhida pela ONU como o Dia Mundial da Água. É uma oportunidade para lembrarmos da importância da preservação e bom uso desse recurso natural findável e tão importante à vida.

A Spraying Systems sabe que milhões de litros de água passam diariamente por seus bicos instalados em clientes de todo o mundo e busca desenvolver soluções baseadas em tecnologia de ponta que tenham a sustentabilidade como premissa.


Você sabia?


Empresas de papel e celulose utilizam, em média, 500 bicos de pulverização no seu processo

Panificadoras usam 150 bicos spray em diversas aplicações

Uma siderúrgica precisa, em média, de 3 mil bicos de pulverização para produção de aços

Empresas alimentícias precisam, cada uma, de 400 bicos de pulverização para produzir seus produtos

Caso Real

Uma empresa alimentícia utilizava bicos com uma vazão maior que a necessária para limpeza de esteiras transportadoras. Ao final de uma semana de produção, essa operação consumia 198 mil litros de água, valor equivalente ao consumo médio de dois adultos por um ano inteiro.Após auditoria realizada por um especialista em pulverização, a vazão ideal para o processo foi encontrada e o resultado foi a troca por um bico com vazão 80% menor do que a utilizada anteriormente, gerando economia de mais de 156 mil litros/semana.


Vamos juntos cuidar do meio ambiente. Nossa especialidade e as suas atitudes conscientes podem fazer toda a diferença para o planeta!


Aproveite nossa expertise em pulverização para tornar seus processos mais econômicos e sustentáveis.

Limpeza de tanques na indústria? Temos 6 dicas práticas!

Por | Açúcar e Etanol, Alimentos, Aplicações, Bebidas, Farmacêutico, Higiene & Beleza, Indústria em geral, Lavagem de Tanques, Mercados, Papel & Celulose, Químicos | Sem comentários

A limpeza dos tanques na indústria costuma ser um motivo de muita atenção e apreensão. Não é para menos. A má higienização pode trazer inúmeros problemas, de perda do produto final por contaminação até processos trabalhistas,
se a sua operação ainda utiliza processos manuais e um colaborador precisa entrar em espaços confinados para limpar.

Se você precisa aperfeiçoar a limpeza de tanques em sua operação, temos aqui seis dicas práticas que devem proporcionar economia de recursos e aumentar a produtividade na sua indústria:

Impacto é tudo

Que tal substituir água quente por impacto? Água quente custa caro, pois, para utilizá-la, é preciso dispor do recurso em abundância e empregar muita energia no processo. Com um lavador mais potente e de mais impacto, você consegue uma limpeza mais econômica, sustentável e eficiente.

Superfícies 100% limpas

Sabe aquelas faixas que o lavador não alcança? No final, por mais que o tanque tenha ficado horas parado para a higienização, parece que não ficou completamente limpo? Uma solução é trocar o lavador de dois bicos por um de quatro.

Seções e acessórios

Uma boa dica para garantir limpeza completa é mudar a posição dos bicos para fazer a limpeza dos tanques por seções: primeiro a parte superior e depois a inferior. Aposte nos acessórios que permitem mudar o ângulo dos bicos para alcançar os lugares mais difíceis.

Menos ciclos de limpeza

Alguns ajustes em pressão e vazão podem ajudar você a realizar a limpeza com menos ciclos de limpeza. Para aumentar o impacto, dê preferência a aumentar a vazão em relação à pressão. Dobrar a vazão aumenta o impacto em até 100% enquanto dobrar a pressão aumenta o impacto em 40%.

Recirculação

Se o resíduo do tanque e os materiais utilizados para a limpeza forem inofensivos para o meio ambiente, reutilize a água.

Lavador permanente

Considere utilizar um lavador permanentemente instalado no tanque se as substâncias que você utiliza não o prejudicam. Isso poupa tempo e custos de mão de obra.

O lavador fluid-driven usa o líquido para girar a turbina que movimenta um conjunto de engrenagens.

Os tipos de lavadores

Escolher o equipamento correto para a higienização dos tanques é o ponto mais importante para garantir bons resultados e eliminar entraves na sua operação.

Para saber que tipo de equipamento é ideal, você tem que levar em consideração fatores como o tipo de resíduo processado no tanque, as substâncias de limpeza necessárias para removê-los, o tamanho do tanque, o impacto necessário para limpar efetivamente toda sua superfície e o tempo do ciclo de limpeza (tempo é dinheiro na indústria, não é mesmo?).

Os principais modelos de lavadores disponíveis no mercado são os movidos pelo fluído (fluid-driven) e os automáticos. Os primeiros têm custos de aquisição menores, mas os segundos são mais econômicos na operação e manutenção. Ambos operam com alta pressão e garantem a limpeza completa de tanques de até 30 metros de diâmetro.

Os fluid-driven usam o líquido para girar a turbina que movimenta um conjunto de engrenagens. O lavador rotaciona enquanto a engrenagem gira em torno do eixo central. Quanto maior a pressão e vazão, mais rápida é a rotação do bico. Já os lavadores automáticos, contam com motor externo elétrico ou pneumático para acionar o conjunto de bicos rotativos.

Os automáticos ainda dividem-se em dois tipos: cabeçote dos bicos tipo fixo, que podem ficar permanentemente instalados ou serem transportados entre tanques, e o cabeçote tipo retrátil. Esses últimos têm uma maior capacidade de automação. Um mecanismo pneumático insere e retira do tanque a haste com o cabeçote do lavador e um painel de controle permite configurar diversas alturas de lavagem para posicionar onde é necessário ter mais impacto ou onde há uma obstrução.

Os lavadores automáticos contam com motor externo elétrico ou pneumático para acionar o conjunto de bicos rotativos.
Lavadores automáticos com cabeçote tipo retrátil podem ser posicionados em qualquer posição no tanque.

Monitorando a limpeza de tanques na indústria

Depois de escolher o lavador ideal para a sua operação, é bom monitorá-lo e certificar-se de que está funcionando bem. Vale fazer inspeção visual e teste de swab ou riboflavina. Outra possibilidade é o uso de um dispositivo de monitoramento acústico do lavador, pois assim é possível detectar variações em relação ao padrão.

Quer melhorar a limpeza dos tanques na sua indústria? Confira nosso material sobre limpeza efetiva de tanques e reatores e entre em contato conosco e consulte um dos nossos especialistas. Eles certamente lhe ajudarão a encontrar a solução ideal para a sua operação.

Como a pulverização precisa pode ajudar você a atingir suas metas de sustentabilidade?

Por | Aplicações, Indústria em geral, Mercados, Sustentabilidade | Sem comentários

Nosso compromisso com a sustentabilidade vai além das nossas operações, nosso objetivo é ajudar todos os clientes a alcançarem suas metas de sustentabilidade. Seja reduzindo o consumo de água e energia, utilizando menos matéria-prima, reduzindo scrap, ou ainda diminuindo os riscos e melhorando a segurança dos colaboradores. E tudo isso aliado a retornos financeiros.

Acreditamos que promovendo um ambiente mais seguro e saudável, atitudes positivas são impulsionadas. Mas, para atingir esses objetivos, a Spraying Systems, você e o mundo terão que mudar. É da natureza humana pensar que se o processo está funcionando bem, não há necessidade de realizar mudanças. E você deve estar pensando “Uma mudança provavelmente interromperá meu processo atual, gerará alterações nas programações, necessidade de novo treinamento da equipe, e ainda custará algo para chegar lá. Por que se preocupar? No final é capaz que nem economize tanta água e energia assim”. Em alguns casos essa situação até pode ser verdadeira, mas na maioria das situações você ficará surpreso como pequenas mudanças podem ocasionar grandes resultados. Afinal quantos bicos de pulverização você possui no seu processo? 

Você sabia que um fabricante de papel tem em média 500 bicos somente na área de formação do papel? Já as empresas de panificação e produtos forneados geralmente possuem 150 bicos para aplicação de inibidores de mofo, corte de pães e outras aplicações nas massas. As usinas de energia usam em média 500 bicos, muitos deles são utilizados no processo de resfriamento/lavagem dos gases de escape para manter nosso ar limpo. E temos ainda as empresas alimentícias que podem facilmente possuir mais de 200 bicos spray nas aplicações de limpeza e enxague. 

Diariamente são bilhões de litros de água que passam através dos bicos de pulverização, calculamos que são mais de 189 bilhões de litros d’água diários fluindo através dos bicos Spraying Systems pelo mundo. Então pensamos “Será que todas as empresas estão com seus processos spray funcionando de forma sustentável?”

Acompanhamos um cliente que realizava de forma contínua a limpeza de suas esteiras. Eram utilizados 3 bicos do modelo VeeJet® por esteira, com tempo de operação de 100 H/Semana e cada bico pulverizava 11 litros por minuto. Ao fim de uma semana cada esteira havia consumido mais de 198 mil litros, o equivalente ao consumo de água para duas pessoas em um ano inteiro!

Após diversos testes, os especialistas da Spraying Systems concluíram que para realizar a limpeza dessas esteiras, bicos com vazão de 2,3 litros por minuto poderiam ser utilizados, ou seja, uma vazão 80% menor que a original. Isso resultou numa economia de 156,6 mil litros por semana! Lembrando que esse resultado é somente para uma esteira e o cliente possuía outras 142 com a mesma montagem, ou seja, uma economia total de 22,2 milhões de litros de água por semana, mais de 1,06 bilhões de litros d’água anuais em uma única unidade fabril. 

É um consumo grande de água, e sabemos que há todo um custo associado ao processamento dessa água. Como o cliente utilizava a água para a limpeza, ele ainda precisava aquecê-la para torná-la mais eficaz. A estimativa é que com essa pequena mudança de vazão o cliente economizou, entre consumo de água, processamento e consumo de energia, mais de US$ 4 milhões anuais.

As oportunidades de melhorias sustentáveis estão em diversas partes dos processos industriais: aplicação de químicos, controle de ar, limpeza de tanques, aplicação de detergentes e sanitizantes, entre outros. Conte com a equipe da Spraying Systems para avaliar quais melhorias podem ser implantadas no seu processo.

Especialistas visitam sua empresa e realizam uma avaliação apontando como diminuir o consumo de água e químicos, reduzir o desperdício, melhorar a segurança dos colaboradores e outras melhorias que forem identificadas.

Aproveite nossa expertise em pulverização para tornar seus processos mais econômicos e sustentáveis.

Conversão de Torre com Disco para Bico

Por | Alimentos, Aplicações, Mercados, Químicos, Spray Dry | Sem comentários

Por que converter um secador com disco rotativo por um com bico aspersor? Diferente de outros países, no Brasil existe a prática da utilização de discos atomizadores rotativos no lugar de bicos aspersores nos processos produtivos de secagem. Os discos utilizados para a pulverização do produto geram altos custos de manutenção e custos indiretos com paradas e trocas de componentes.

Leia Mais

Como enfrentar os principais problemas na secagem por Spray Dry

Por | Alimentos, Aplicações, Mercados, Químicos, Spray Dry | Sem comentários

Sempre que é necessário transformar líquidos em partículas sólidas durante o processo produtivo, secadores com bicos aspersores de alta precisão e capazes de produzir gotas de tamanho e textura desejados, são um diferencial.
O uso de bicos de alta precisão garante a qualidade do produto final e a otimização de tempo e recursos. A produção de leite em pó, detergente em pó, aromas, bioquímicos e café solúvel, por exemplo, pode ser beneficiada com o uso de bicos SprayDry® desenvolvidos para o alto desempenho de secagem.

Leia Mais

Como escolher o bico de pulverização adequado?

Por | Aplicações, Conceitos de Pulverização, Indústria em geral, Mercados, Pulverização Geral | Sem comentários

Bicos são mais do que um detalhe para a indústria. Eles estão diretamente associados à economia de tempo, recursos e qualidade do produto final. Isso significa que um sistema de pulverização com bicos de alta tecnologia pode trazer diferenciais competitivos para o seu negócio. A indústria de panificação, por exemplo, poupa matéria-prima se fizer aplicações precisas de coberturas em seus produtos. Uma fabricante de leite em pó ganha em produtividade e qualidade ao conseguir transformar o leite em pó em grãos de tamanho uniforme com densidade desejada.

Leia Mais